Newsletter Opel

Newsletter Opel

Receba as últimas informações sobre a Opel e os produtos e serviços Opel diretamente na sua caixa de correio eletrónico.

Registe-se agora!

NOVO ASTRA OPC ELEVA DINÂMICA AO EXPOENTE MÁXIMO.

27/Jun/2012

  • Motor 2.0 Turbo a gasolina com injeção direta e 280 cv de potência;
  • 400 Nm de binário, 0-100 km/h em 6,0 segundos, velocidade máxima de 250 km/h;
  • Chassis exclusivo de alto desempenho com suspensão HiPerStrut e FlexRide;
  • Diferencial autoblocante mecânico multidiscos otimiza a tração;
  • Travões Brembo de baixo peso resistem melhor à temperatura e à fadiga;
  • Bancos ‘bacquet’ com o prestigiado selo ergonómico "AGR”;
  • Design OPC por fora e por dentro.
Novo Opel Astra OPC eleva dinâmica ao expoente máximo

O potente Astra OPC de 280 cv vem completar a família de modelos OPC (Opel Performance Center), na qual se incluem também as versões de altas performances do Corsa e do Insignia.

 

Dotado de um motor sobrealimentado de 2,0 litros, com injeção direta de gasolina, que debita um elevado binário de 400 Nm, o novo Astra OPC está apto a acelerar de zero a 100 km/h em apenas 6,0 segundos e a atingir uma velocidade máxima de 250 km/h. Nunca um Astra foi tão veloz.

 

Este motor de quatro cilindros disponibiliza um binário máximo superior em 25 por cento face ao Astra OPC anterior, debitando, ao mesmo tempo, mais 40 cv de potência. Isto traduz-se na potência específica de 140 cv por litro – o valor mais elevado de qualquer motor a gasolina produzido pela Opel até hoje – por comparação com 120 cv do antecessor.

 

O novo motor 2.0 Turbo baseia-se no mais recente propulsor de 2 litros a gasolina da Opel, com 250 cv, acrescentando-lhe 30 cv. Apesar disso, o consumo de combustível baixa 12 por cento e as emissões de CO2 sofrem uma redução de 14 por cento. As emissões de CO2 do Astra OPC baixaram para 189 g/km (antes eram de 221 g/km) e o consumo para 8,1 litros aos 100 quilómetros (anteriormente 9,2 l/100 km).

 

Os engenheiros da Opel desenvolveram um sistema de admissão totalmente novo destinado a conduzir a maior quantidade possível de ar até ao turbocompressor. Por seu turno, o sistema de escape foi otimizado ao nível do fluxo dos gases. O turbocompressor ganhou novos componentes para suportar maior pressão, com reflexos no aumento da durabilidade.

Novo Opel Astra OPC eleva dinâmica ao expoente máximo

Chassis de elevado desempenho: FlexRide, HiPerStrut e diferencial autoblocante

A Opel concebeu para o novo Astra OPC um chassis de elevado desempenho, especialmente orientado para uma dinâmica em curva referencial, capaz de fazer jus ao potente motor de 280 cv e 400 Nm. O chassis integra diversos elementos decisivos para elevar o comportamento em estrada a patamares ainda mais altos: conjuntos mola/amortecedor com configuração especial HiPerStrut na suspensão dianteira, sistema FlexRide com amortecimento controlado eletronicamente, diferencial autoblocante mecânico multidiscos e travões Brembo de alta performance.

 

O sistema FlexRide permite modificar a pressão de funcionamento dos amortecedores, a resposta da assistência da direção e o curso do pedal do acelerador. É possível optar entre três modos diferentes, oferecendo cada um deles afinações e dinâmicas específicas. O modo ‘Standard’ está regulado para uma aplicação genérica, onde ganha preponderância o conforto para a maior parte das situações de condução quotidianas. Ao toque de um botão, o modo ‘Sport’ torna a suspensão mais ‘dura’ – a agilidade aumenta através da redução da inclinação da carroçaria – e a direção torna-se mais ‘direta’. Por seu turno, o modo ‘OPC’ eleva a dinâmica ao expoente máximo: a direção torna-se ainda menos assistida que no modo ‘Sport’, o acelerador passa a ter uma resposta mais rápida e as regulações de todos os componentes do chassis são orientadas para a obtenção do máximo desempenho.

 

As jantes de liga leve de 19”, que fazem parte do equipamento de série, acrescentam a necessária dinâmica desportiva ao Astra OPC. Para além disso, os engenheiros da Opel concentraram-se na afinação de base do chassis para ir ao encontro dos padrões OPC, dotando-o de molas, amortecedores e casquilhos específicos.

 

A transmissão do Astra OPC conta com um diferencial autoblocante mecânico multidiscos que assegura níveis de tração superiores. Este dispositivo, que incorpora vários discos de fricção, evita a ‘patinagem’ de rodas em curvas efetuadas sob aceleração forte. O diferencial assegura uma resposta progressiva e a transição adequada entre aceleração e desaceleração, eliminando, desta forma, influências nefastas na direção e na estabilidade da travagem.

 

O controlo de estabilidade ESP do Astra OPC possui três modos diferentes de operação que permitem ao condutor determinar o caráter mais ou menos desportivo e desafiante da sua condução. O primeiro é o modo ‘Standard’, que garante elevados níveis de segurança na condução do dia-a-dia, e o segundo é o modo ‘Competitivo’, no qual é aumentado o limiar de intervenção dos sistemas automáticos. O terceiro modo permite ao condutor desativar o ESP, sendo por isso conhecido como ‘ESP-off’.

 

O sistema de travagem do Astra OPC foi concebido para corresponder às características de alta performance do modelo, mesmo em utilização nos limites. Os engenheiros do Opel Performance Center recorreram a uma solução Brembo com servo-freio de 18”, com discos ventilados perfurados de 355x32 mm e pinças de quatro êmbolos à frente. O Astra OPC dispõe igualmente de pastilhas de travão de elevado desempenho. De uma maneira geral, a opção por travões Brembo traduz-se em maior resistência à temperatura em utilização intensa e melhor feedback em travagens prolongadas.

 

De acordo com a tradição OPC, o Astra mais rápido de sempre foi sujeito a duros testes no circuito grande (“Nordschleife”) de Nürburgring, na Alemanha. Todos os modelos OPC são testados e afinados no “Green Hell”, amplamente considerado como a pista de competição mais dura e exigente do mundo. A alcunha de “Green Hell” foi dada pelo piloto britânico Jackie Stewart.

 

Durante a fase de desenvolvimento, os modelos OPC têm de passar num teste de resistência de 10.000 quilómetros, a alta velocidade, nos 20,8 km do “Nordschleife”. Isto equivale a cerca de 180.000 quilómetros em estrada. Nestas condições extremas, é possível avaliar o automóvel para garantir a fiabilidade dos componentes e encontrar as melhores regulações para obter o máximo desempenho dinâmico.

Novo Opel Astra OPC eleva dinâmica ao expoente máximo

Design expressivo

A carroçaria do Astra OPC exprime paixão por potência e velocidade. O habitáculo reflete o mesmo ambiente, com bancos dianteiros ‘bacquet’ de baixo peso, um volante especial com base plana, e o novo e inédito “PowerApp” para iPhone que permite ao condutor aceder a dezenas de dados em tempo real através da ligação à rede CAN-bus de transmissão de dados do automóvel. Os materiais de elevada qualidade e os elementos decorativos OPC exclusivos criam uma atmosfera simultaneamente desportiva e requintada.

 

Por comparação com o GTC, o Astra OPC possui uma estética mais agressiva graças aos volumosos pára-choques dianteiro e traseiro, às saias laterais, ao spoiler traseiro colocado no topo da tampa da mala e às duas saídas de escape de formato trapezoidal. Além das jantes de liga leve de 19 polegadas, que são de série, estão disponíveis jantes de 20". Os clientes que pretendam acrescentar um toque ainda mais arrojado ao Astra OPC poderão adquirir o Pack OPC.

 

O novo volante OPC, com base plana, inspirou-se na competição automóvel. Tem um diâmetro 10 mm mais pequeno que nos restantes membros da família Astra, tornando a direção com sensação ainda mais precisa e direta. As áreas onde assentam naturalmente os polegares das mãos do condutor foram reformuladas para otimizar a pega e oferecer melhor visibilidade dos instrumentos.

 

Os bancos desportivos ‘bacquet’, construídos com recurso à mais recente tecnologia, foram certificados pela AGR (“Aktion Gesunder Rücken e.V”), uma organização independente formada por especialistas em ergonomia. Os engenheiros do OPC recorreram a novas técnicas para reduzir o peso de cada banco, utilizando materiais leves na estrutura.

 

Os novos bancos dianteiros proporcionam uma posição de condução mais baixa e apoio lateral melhorado, oferecendo 18 possibilidades diferentes de regulação. Entre elas está o ajustamento pneumático dos flancos do banco, o que é inédito no segmento dos desportivos compactos de topo.

Novo Opel Astra OPC eleva dinâmica ao expoente máximo

Palmarés invejável do emblema OPC

A mais recente geração Astra OPC sublinha de forma acentuada o potencial desportivo do Astra e o expoente técnico associado ao emblema OPC. Nos últimos sete anos foram vendidas mais de 15.000 unidades Astra OPC da anterior geração. A par do Corsa OPC, o Astra está entre os modelos OPC mais vendidos. A Opel prevê comercializar cerca de 10.000 unidades com o emblema OPC nos próximos 12 meses. Destas, cerca de metade serão Astra OPC, 3000 Corsa e as restantes serão Insignia.

 

As vendas anuais de automóveis compactos com mais de 271 cv na Europa cifram-se em cerca de 14.000 unidades. Com base nestes números, a Opel espera alcançar uma quota de cerca de 30 por cento das vendas de automóveis compactos de alta performance na Europa.

 

O Opel Performance Center (OPC), responsável, desde 1999, pelas versões desportivas da gama Opel, é um elemento-chave do perfil da marca. Incorpora elevados níveis de emoção e de paixão, design marcante e tecnologia de ponta.

 

Os modelos com a sigla OPC posicionam-se na vanguarda das respetivas gamas. Entre os atuais modelos OPC contam-se o Corsa com 192 cv (210 cv na série Nürburgring Edition) e o Insignia OPC, disponível nas versões berlina de quatro portas e Sports Tourer, com 325 cv.

Novo Opel Astra OPC eleva dinâmica ao expoente máximo

"OPC Line" para outros modelos

Para quem pretende individualizar o seu modelo Opel de produção em grande série, a marca disponibiliza acessórios de qualidade "OPC Line" que podem ser encomendados diretamente à fábrica para já virem instalados em automóveis novos.

 

Quem já possua um Opel poderá mandá-lo adaptar num distribuidor ou reparador autorizado Opel.

 

A “OPC Line” propõe componentes de carroçaria, jantes de liga leve e acessórios para o habitáculo como volantes e punhos de alavancas de caixa de velocidades desenvolvidos pelos designers e engenheiros da Opel para cada modelo.