Newsletter Opel

Newsletter Opel

Receba as últimas informações sobre a Opel e os produtos e serviços Opel diretamente na sua caixa de correio eletrónico.

Registe-se agora!

ADAM E AMPERA DÃO DUPLA VITÓRIA À OPEL NO "TROFÉU AUTO".

20/Nov/2012

  • Opel ADAM eleito citadino nº1 pelos leitores da revista especializada ‘Auto Zeitung’;
  • Ampera obtém hat-trick com terceira vitória entre os automóveis elétricos;
  • Mokka com terceira posição nos SUV acessíveis.
ADAM e Ampera dão dupla vitória à Opel no "Troféu Auto"

A Opel obteve uma sonante vitória na 25ª edição dos prémios atribuídos pelos leitores da revista alemã ‘Auto Zeitung’, editada por especialistas do setor automóvel.

 

O novo citadino ‘chique’ ADAM venceu o prestigiado ‘Troféu Auto’ na categoria de Citadinos, ao mesmo tempo que o revolucionário modelo elétrico Ampera emergiu, pelo terceiro ano consecutivo, como vencedor na categoria de Automóveis Elétricos.

 

Na classe dedicada aos SUV acessíveis, com preço inferior a 30.000 euros, o Mokka obteve também uma classificação de destaque ao alcançar a terceira posição.

 

A votação aberta ao público contou com mais de 110.000 participantes que elegeram os seus automóveis favoritos entre 400 modelos agrupados em trinta categorias diferentes.

 

O charmoso ADAM venceu por larga vantagem na categoria dedicada aos citadinos. Com um total de 30 por cento dos votos, o ADAM triunfou perante os rivais VW Up e Skoda Citigo, classificados nos lugares seguintes com 26,3 e 8,9 por cento respetivamente.

 

O Ampera, que se tornou num vencedor em série, obteve também uma vitória esclarecedora por uma margem superior a quatro pontos percentuais, batendo concorrentes do segmento premium como o Mercedes SLS AMG elétrico (15,2 por cento) e o Audi R8 e-tron (14,9 por cento).

ADAM e Ampera dão dupla vitória à Opel no "Troféu Auto"

Os prémios foram entregues ao Presidente da Comissão Executiva da Opel, Thomas Sedran numa cerimónia realizada no Classic Remise de Düsseldorf perante mais de 250 convidados.

 

Sedran não escondeu o orgulho pelo melhor desempenho da Opel no ‘Troféu Auto’ na última década: «O ADAM, o Ampera e o Mokka são três personalidades fortes que se destacam claramente. Estes três modelos têm uma grande importância estratégica para a Opel já que representam uma importante abordagem à mobilidade do futuro, não apenas no que tem a ver com o ambiente mas também pela diversão na utilização do automóvel e pela disponibilização de tecnologias inovadoras acessíveis» referiu Thomas Sedran.

Opel ADAM: campeão da personalização

Opel ADAM: campeão da personalização

A Opel dá os primeiros passos num segmento em crescimento com um automóvel citadino ‘chique’.

 

O ADAM tem 3,7 metros de comprimento e a sua carroçaria de três portas pode receber mais de 30.000 combinações diferentes de personalização exterior, destacando-o das restantes propostas do mercado.

 

No habitáculo, o ADAM tem lotação para quatro pessoas, que usufruem de um ambiente de elevada qualidade e espaço invulgar para os ocupantes da frente num automóvel deste tipo. O habitáculo do ADAM pode ser personalizado com uma vasta gama de cores, revestimentos, forros de tejadilho e efeitos de luz ambiente.

 

O Opel ADAM também oferece tecnologias que são oriundas de segmentos superiores. O novo sistema IntelliLink de comunicação, informação e entretenimento a bordo, que integra o smartphone do proprietário no sistema do automóvel, assegura um nível ímpar de conectividade.

 

O ADAM é o único automóvel no seu segmento desenvolvido na Alemanha e fabricado no mesmo país, nas instalações da marca em Eisenach.

Opel Ampera: o automóvel elétrico que vai a qualquer lado

O Opel Ampera é o líder de vendas destacado entre os automóveis elétricos na Alemanha e em toda a Europa.

 

O “Carro do Ano 2012” é alimentado por uma bateria de iões de lítio com 16 kWh de capacidade que fornece a energia necessária ao motor elétrico de 111kW (150 cv).

 

Dependendo do tipo de condução e do traçado, a autonomia é de 40 a 80 quilómetros em modo elétrico (funcionamento com bateria), sem qualquer emissão.

 

Em modo de funcionamento com extensor de autonomia, que é ativado automaticamente quando a bateria atinge o ponto mínimo de carga, o motor térmico a gasolina, com 1,4 litros e 86 cv (63 kW), aciona um gerador que produz eletricidade a bordo para alimentar a unidade elétrica de tração. A tração das rodas é sempre assegurada pelo motor elétrico.

 

O extensor de autonomia permite que este automóvel elétrico percorra distâncias superiores a 500 quilómetros.