Newsletter Opel

Newsletter Opel

Receba as últimas informações sobre a Opel e os produtos e serviços Opel diretamente na sua caixa de correio eletrónico.

Registe-se agora!

NOTA MÁXIMA PARA O NOVO OPEL MOKKA
NOS TESTES DE SEGURANÇA EURO NCAP.

28/Nov/2012

  • Novo SUV subcompacto da Opel cumpre os mais elevados padrões de segurança;
  • Um entre muito poucos com classificação de 100% em sistemas de segurança;
  • Desempenho excelente ao nível da segurança de crianças.
Opel Mokka recebe a nota máxima de cinco estrelas Euro NCAP

O novo Opel Mokka recebeu a classificação máxima de cinco estrelas atribuída pela organização independente de testes de segurança Euro NCAP (European New Car Assessment Program).

 

Com este resultado o Mokka junta-se a todos os atuais modelos da Opel que também já foram testados na Euro NCAP e que obtiveram a melhor nota: Ampera, Astra, Corsa, Insignia, Meriva e Zafira.

 

«A nossa tradição de longa data é de garantir os níveis mais elevados de segurança nos nossos automóveis. O Mokka vem reforçar a liderança da Opel em tecnologias de segurança. Uma vez mais alargamos a oferta de sistemas de segurança sofisticados a um vasto leque de consumidores. Estamos extremamente orgulhosos disso», afirma o Vice-Presidente da Opel para a Engenharia, Michael F. Ableson.

Opel Mokka recebe a nota máxima de cinco estrelas Euro NCAP

No topo da classe: os resultados da Euro NCAP ao detalhe

O novo Mokka alcançou resultados assinaláveis nas cinco categorias de segurança testadas na Euro NCAP. O SUV (Sport Utility Vehicle) da Opel obteve o número máximo de pontos, ou 100 por cento, na categoria de sistemas de assistência de segurança, garantindo-lhe entrada direta no grupo dos pouquíssimos automóveis do mercado europeu a conseguir esta classificação.

 

Os peritos da Euro NCAP destacaram dispositivos como o evoluído controlo eletrónico de estabilidade ESPPlus, a par do sistema de aviso de colocação dos cintos de segurança e da assistência de limitação da velocidade. Estes sistemas fazem parte do equipamento de série do Mokka.

 

Na categoria de proteção de ocupantes adultos, o Mokka atingiu a classificação de 96 por cento, num máximo de 100. Para este resultado notável contribuíram os airbags frontais, laterais e de cortina, bem como os tensores dos cintos de segurança com limitador de força. Os encostos de cabeça reguláveis nos bancos dianteiros desempenham também um papel de relevo na prevenção de lesões na coluna vertebral causadas pelo chamado ‘efeito de chicote’ no caso de uma colisão traseira. Para maior proteção das pernas e dos pés do condutor no caso de impacte frontal, o Mokka conta com sistema de libertação dos pedais.

Opel Mokka recebe a nota máxima de cinco estrelas Euro NCAP

Na área de segurança de crianças, a Euro NCAP escreve no seu relatório: «O Mokka alcançou o máximo de pontos com base nos dados obtidos através de manequins de testes correspondentes à idade de três anos».

 

Este excelente resultado traduz a elevada qualidade dos bancos de segurança da Opel para crianças, com fixações ISOFIX no assento e encaixe adicional no encosto.

 

No capítulo da segurança para peões, o para-choques do Mokka arrecadou a pontuação máxima, com a Euro NCAP a mencionar «boa proteção das pernas dos peões».

 

A segurança ativa do Mokka, que vai além dos requisitos da Euro NCAP, inclui diversos sistemas de assistência de segurança. O SUV da Opel possui tecnologias inovadoras que assistem o condutor para evitar acidentes, como a câmara Opel Eye de segunda geração (que inclui alerta de colisão frontal), o indicador da distância para o veículo da frente, o alerta de desvio de trajetória e o sistema de reconhecimento de sinais de trânsito.

 

Para proporcionar níveis de segurança ainda mais elevados, o novo modelo da Opel conta com câmara de retrovisão e sistema de faróis dianteiros adaptativos AFL+.

 

Desde o início do período de encomendas, em junho, o Mokka tem recebido reações extremamente positivas. O novo modelo SUV da Opel, que já conta com mais de 50.000 encomendas na Europa, tem lançamento agendado no mercado português para o próximo mês de Janeiro.