Newsletter Opel

Newsletter Opel

Receba as últimas informações sobre a Opel e os produtos e serviços Opel diretamente na sua caixa de correio eletrónico.

Registe-se agora!

Opel cria novo Centro de Motores.

14/Jul/2014

  • Opel investe 210 milhões de euros na sede em Rüsselsheim, Alemanha
  • Novas instalações com equipamento da mais recente geração para desenvolver e testar motores ‘limpos’
  • ‘Primeira Pedra’ colocada pelo Ministro dos Assuntos Económicos do estado de Hesse
Opel cria novo Centro de Motores

A Opel vai iniciar um grande projeto de construção na sua sede de Rüsselsheim, envolvendo um complexo de edifícios até sete andares para instalar um novo Centro de Motores. A infraestrutura vai nascer no sector sudoeste do Centro Internacional de Desenvolvimento Técnico (ITDC), criando uma área de trabalho de 36 mil m2 que receberá 2017 engenheiros e técnicos para desenvolver motores do futuro. O projeto representa um investimento total de 210 milhões de euros. Este novo centro será equipado com 43 estações de ensaios.

 

A cerimónia de colocação da primeira pedra contou com a presença do Ministro dos Assuntos Económicos do estado de Hesse, Tarek Al-Wazir, e do Presidente do município de Rüsselsheim, Patrick Burghardt. Do lado da Opel, no evento estiveram o CEO, Karl Thomas Neumann, o responsável do Works Council, Wolfgang Schäfer-Klug, e o Vice-Presidente da Divisão GM Powertrain, Steven Kiefer.

 

«Com este investimento demonstramos que a Opel está de novo no caminho do crescimento», afirmou Karl-Thomas Neumann. «Estamos em plena onda de renovação da gama de produtos, da qual os motores são parte muito importante».

 

O projeto de construção do novo centro de motores faz parte do plano de investimentos anunciado no ano passado, que contempla 230 milhões de euros destinados a novas instalações de testes e engenharia no ITDC e no Centro de Testes de Dudenhofen. A grande fatia desta soma será aplicada na sede de Rüsselsheim. O complexo utilizará uma área de cerca de 13 mil m2 localizada a sul da linha férrea e a oeste do Portão 45 da fábrica da Opel. Este é o maior investimento realizado em Rüsselsheim desde a construção da nova fábrica em 2002.

 

O novo Centro de Motores estará integrado na rede de engenharia da divisão GM Powertrain. Com métodos de teste sincronizados a nível internacional e com recurso a ‘software’ sofisticado, os resultados podem ser analisados à distância e partilhados com outros centros.

 

O responsável pela GM Powetrain, Steven Kiefer, explicou: «Atribuímos a Rüsselsheim o desenvolvimento de motores a gasolina de baixa e média cilindradas. As novas instalações oferecerão as melhores condições para este trabalho. Aqui vão nascer novas gerações de motores, que terão aplicação em todos os mercados onde a GM está presente. Com sistemas padronizados, vamos ter neste novo centro um contributo importante para agilizarmos processos de desenvolvimento e criarmos eficiências em todo o grupo».

Novo edifício é símbolo de nova ofensiva de motores

Opel cria novo Centro de Motores

A construção de um novo Centro de Motores em Rüsselsheim constitui um sinal evidente da intensificação de lançamento de novos produtos da Opel. Até 2018, o fabricante alemão vai apresentar 27 novos modelos e 17 novo motores. Com gama renovada de produtos, a Opel conta aumentar substancialmente a sua quota de mercado na Europa até 2022, para 8 por cento.

 

O Vice-Presidente para a Engenharia, Michael Ableson, afirmou: «Estamos a avaliar toda a variedade de futuras tecnologias de motorização, mais económicas e mais compatíveis com o ambiente. O motor de combustão interna continuará a desempenhar um papel importante, visto que ainda tem muito potencial. Na qualidade de um dos pioneiros ao nível de motorização ‘limpa’, a Opel tem por objetivo fixar as emissões de CO2 abaixo dos exigentes limites do futuro, ao mesmo tempo que mantém os desempenhos dos motores em alto nível».

 

O Ministro dos Assuntos Económicos do estado de Hesse, Tarek Al-Wazir, enalteceu mais um investimento da Opel na região: «Estou seguro de que o consumo de combustível e as emissões de CO2 serão sempre importantes para os consumidores. Um novo centro de desenvolvimento de motores eficientes é um investimento no ambiente. Fico satisfeito por ver a Opel investir com esta magnitude em novas tecnologias, aqui na região Reno-Meno».

 

Por seu turno, o presidente do município de Rüsselsheim, Patrick Burghardt, vê este investimento como um sinal de novo arranque para a cidade. «Há muito tempo que Rüsselsheim não tinha um projeto com esta escala. A parceria com a Opel vem de muito longe e vê-se que tem clara perspetiva de futuro».