Newsletter Opel

Newsletter Opel

Receba as últimas informações sobre a Opel e os produtos e serviços Opel diretamente na sua caixa de correio eletrónico.

Registe-se agora!

Novo Opel Corsa
fixa referências no segmento dos utilitários.

15/Out/2014

  • Quinta geração dá continuidade a percurso de 32 anos de sucesso;
  • Conforto, dinâmica e economia: novo chassis e novos motores elevam a fasquia;
  • IntelliLink integra funcionalidades dos telefones inteligentes;
  • Sistemas inovadores de assistência à condução;
  • Mais apelativo: novas linhas seguem a assinatura mais recente da Opel.
Novo Opel Corsa fixa referências no segmento dos utilitários

O Opel Corsa figura há muito na História da indústria automóvel como um dos modelos mais vendidos de sempre.

 

Até hoje, o percurso deste utilitário bem sucedido atravessou quatro gerações em 32 anos, ao longo dos quais foram vendidas 12,4 milhões de unidades. A par do Astra, o Corsa é o modelo mais popular da Opel, representando mais de um quarto do total de vendas do fabricante alemão.

 

Disponível com carroçarias de três e cinco portas, o Corsa é, atualmente, o quarto modelo mais vendido na Europa ocidental no segmento dos utilitários. Na Alemanha e no Reino Unido, o modelo é o segundo no ‘ranking’ de vendas, com vantagem sobre o mais direto concorrente. O Corsa nasce nas fábricas da Opel de Eisenach, na Alemanha, e de Saragoça, em Espanha, as mesmas fábricas que já estão preparadas para iniciar a produção da nova geração - a quinta - antes de terminar o ano.

 

O novo Corsa tem todas as características necessárias para dar sequência ao sucesso das anteriores gerações. Para além de novas linhas exteriores e de novo habitáculo, a dinâmica surge num patamar mais elevado do que nunca graças a um novo chassis e a uma direção otimizada. Uma das tónicas está no motor 1.0 Turbo da nova geração, que lidera uma gama onde entram também propulsores turbodiesel profundamente revistos, tudo para assegurar níveis elevados de conforto e ‘performance’, e baixos consumos.

 

«O Corsa foi sempre muito elogiado, especialmente pelo ‘design’ e pela utilização eficaz do espaço num automóvel desta configuração», explica Karl-Thomas Neumann, CEO do Opel Group. «Tenho a certeza de que a quinta geração, que está colocada num degrau superior de conforto e de tecnologia, vai continuar a história de sucesso do modelo. Garanto que o novo Corsa surpreenderá todas as pessoas que o experimentarem».

Precisão acrescida: novo chassis e nova direção

Novo Opel Corsa fixa referências no segmento dos utilitários

A suspensão do novo Corsa não herda um único componente do modelo atual.

 

A estabilidade em linha reta e o comportamento em curva surgem substancialmente melhorados graças a um centro de gravidade mais baixo em 5 mm, a um sub-chassis dianteiro mais rígido e a uma nova geometria de suspensão.

 

Aspetos como a inclinação da carroçaria, bem como a resposta da direção e as características de subviragem, alcançam níveis superiores.

 

Novas soluções em matéria de amortecimento, por seu turno, contribuem para dar ao novo Corsa maior eficácia na filtragem de irregularidades de múltiplos tipos de pisos. O desenvolvimento de uma arquitetura de eletricidade totalmente nova permite um grau de maior sofisticação na interação entre os diferentes sistemas do automóvel. A nova geometria da direção e a respetiva calibração de ‘software’ são razões decisivas para dar maior precisão de resposta, melhorando dessa forma o conforto da condução.

Novíssimo 1.0 Turbo ECOTEC com injeção direta

Novo Opel Corsa - Motor 1.0 Turbo ECOTEC

Um dos grandes destaques no lançamento da quinta geração Corsa vai para o avançado motor tricilíndrico 1.0 Turbo ECOTEC, com injeção direta de gasolina, que faz parte da mais recente geração de motores com que a Opel está a renovar a maior parte da sua linha de motorizações.

 

Recentemente estreado no ADAM, este propulsor é o único 1.0 de três cilindros na indústria dotado de um veio de equilíbrio, o que lhe permite estabelecer novas referências em matéria de baixos níveis de ruído e vibrações. Com bloco e cabeça construídos em alumínio, o novo 1.0 Turbo da Opel está disponível à saída da fábrica em duas configurações, com potências diferentes: 90 cv e 115 cv. Ambas cumprem com a norma de emissões Euro 6, destacando-se a versão de 90 cv com um consumo médio de apenas 4,3 l/100 km e emissões de CO2 de apenas 100 g/km.

 

Este novíssimo propulsor destaca-se numa série de parâmetros, desde a suavidade e baixíssimo nível de ruído, até à invulgar capacidade de resposta. Registe-se, neste aspeto, o notável binário máximo de 170 Nm, que é alcançado a um regime tão baixo como 1800 rpm.

Novo Opel Corsa - Motor 1.0 Turbo ECOTEC

A gama de motores a gasolina é ainda composta por unidades 1.2 e 1.4 de quatro cilindros.

 

Novo na gama é o 1.4 Turbo de 100 cv, com 200 Nm de binário máximo disponível de forma constante entre as 1850 e as 3500 rpm.

Este é, na realidade, o propulsor com binário mais elevado de toda a gama do novo Corsa.

Ambos cumprem a norma de emissões Euro 6.

 

Do lado dos Diesel, há a registar a entrada de variantes totalmente revistas do 1.3 CDTI, com 75 cv e 95 cv, as quais passam a cumprir a norma Euro 6 e a apresentar um funcionamento mais refinado.

 

A versão turbodiesel mais económica - 1.3 CDTI ecoFLEX de 95 cv, com caixa manual de cinco velocidades e sistema de recuperação de energia de travagem - consegue reduzir as emissões de CO2 da variante de três portas para apenas 85 g/km e o consumo de gasóleo para 3,2 l/100 km no ciclo misto. Este desempenho permite-lhe ostentar a classificação alemã A+ em termos de eficiência energética, de acordo com o regulamento [EC] No 715/2007.

Novo Opel Corsa fixa referências no segmento dos utilitários

Mas não são apenas os novos motores que tornam o Corsa mais dinâmico e agradável de conduzir.

 

A transmissão manual de seis velocidades acoplada ao novo 1.0 Turbo é totalmente nova, destacando-se pelo conceito de baixo atrito dos seus componentes internos e igualmente pela precisão e conforto de troca de mudanças.

 

Na gama da nova geração surge também uma nova caixa automática de seis velocidades que traz ao segmento dos utilitários níveis elevados de conforto que antes estavam reservados a classes de automóveis de maiores dimensões.

 

Finalmente, outra novidade importante no capítulo das transmissões é a caixa manual robotizada Easytronic 3.0, destinada ao 1.4 de 90 cv, que impressiona pela elevada eficiência (4,7 l/100 km, 110 g/km de CO2) e uma operação em automático com passagens de mudanças muito mais suaves do que a anterior geração.

 

A caixa Easytronic tem preço acessível - custa cerca de metade de uma caixa automática convencional com conversor de binário - e é uma alternativa válida que combina o conforto de uma transmissão automática com a eficiência de uma caixa de comando manual.

Mais estilizado: filosofia de design Opel, por fora e por dentro

Novo Opel Corsa - Sistema IntelliLink

Os ‘designers’ do novo Corsa aliaram o popular perfil Corsa a linhas fluidas e detalhes vincados - afinal, o que caracteriza a filosofia de ‘design’ da Opel.

 

Na secção dianteira destacam-se faróis cujo desenho exibe enorme atenção ao detalhe, encimados por luzes diurnas em LED com forma de ‘asa’, e uma grelha trapezoidal atravessada por uma barra cromada que sustenta o logótipo Opel. Este conjunto confere ao novo Corsa uma presença destacada na estrada.

 

A secção traseira possui um formato simplificado, mais simples e ao mesmo tempo com porte mais volumoso. Os grupos óticos horizontais pretendem acentuar a largura do automóvel e proceder a uma ligação harmoniosa com os flancos.

 

Com 4,02 metros de comprimento, o novo Corsa oferece espaço para cinco ocupantes, em ambas as variantes de carroçaria com três e cinco portas.

 

Em especial plano de evidência está o habitáculo, cujo requinte e qualidade o transportam para um nível superior de sofisticação.

 

O desenho do ‘tablier’ segue longas linhas horizontais que enfatizam a sensação de espaço. Dependendo do nível de equipamento, na consola central surge o grande ecrã tátil policromático do IntelliLink, o sistema de informação e entretenimento da Opel que permite ‘importar’ para o automóvel várias funções de dispositivos móveis inteligentes.

 

O IntelliLink é compatível com aparelhos Apple iOS e Android, aceitando comandos de voz. Neste particular, pode ser utilizado o sistema Siri Eyes Free, da Apple, o qual verbaliza mensagens escritas e permite ao condutor ditar ‘sms’ e e-mails, enviando-os de seguida, sem que precise de tirar os olhos da estrada ou as mãos do volante. Várias aplicações de ‘smartphones’ são transportas automaticamente para o IntelliLink, como o BrinGo, para a navegação, ou o Stitcher e o TuneIn para a rádio de Internet.

Sistemas modernos de apoio à condução aumentam conforto e segurança

Novo Opel Corsa fixa referências no segmento dos utilitários

«Com a quinta geração Corsa, queremos trazer a este segmento uma nova experiência na utilização do automóvel, no que diz respeito a prazer de condução, a conforto e a segurança», afirma Karl-Thomas Neumann. «É por essa razão que o nosso novo Corsa surge equipado com tantas tecnologias novas».

 

A direção oferece um modo de funcionamento City, acionado com um simples toque numa tecla, que reduz ainda mais o esforço para rodar o volante quando o automóvel circula a baixa velocidade - algo especialmente útil em manobras no trânsito intenso das cidades.

 

A Assistência ao Arranque em Subidas é de série em todos os novos Corsa. Capaz de detetar se o automóvel está parado num plano inclinado, o sistema mantém os travões aplicados automaticamente durante cerca de dois segundos depois de o condutor soltar o pedal, eliminando a necessidade de efetuar ‘ponto de embraiagem’.

Novo Opel Corsa fixa referências no segmento dos utilitários

A quinta geração Corsa oferece uma longa lista de equipamentos de apoio à condução, muitos deles inéditos nesta classe de automóveis.

 

O Advance Park Assist, comanda automaticamente a direção durante as manobras de estacionamento, depois de identificar espaços livres paralelos ou perpendiculares ao automóvel.

 

Por sua vez, os sensores do Alerta de Ângulo Cego têm alcance de três metros para a esquerda e para a direita do automóvel, alertando para a presença de obstáculos e veículos. Sempre que surge um veículo ao alcance destes sensores, o sistema acende uma luz colocada no espelho retrovisor exterior do lado correspondente.

 

A segunda geração da Câmara Dianteira Opel Eye integra funções avançadas como Reconhecimento de Sinais de Trânsito, Aviso de Saída de Faixa, Comutação Automática Médios/Máximos, Indicação de Distância para o Veículo da Frente e Alerta de Colisão Iminente. O novo Corsa pode ser equipado com sistema de faróis Bi-Xénon que inclui luz de curva.