Newsletter Opel

Newsletter Opel

Receba as últimas informações sobre a Opel e os produtos e serviços Opel diretamente na sua caixa de correio eletrónico.

Registe-se agora!

CHASSIS SUPERSPORT EM MAIS VERSÕES INSIGNIA.

31/Jul/2012

  • Insignia com tração dianteira ganha em dinâmica;
  • Mais dois motores disponíveis com chassis SuperSport;
  • Configuração inclui suspensão HiPerStrut, travões Brembo e afinações OPC.
Chassis SuperSport em mais versões Insignia

A Opel vai alargar pela primeira vez a disponibilidade do chassis SuperSport de elevada performance às variantes Insignia de tração dianteira.

 

Duas motorizações – turbodiesel 2.0 CDTI de 160 cv e 2.0 Turbo de 220 cv, a gasolina – com transmissão às rodas da frente, passam a contar com uma configuração de chassis que inclui suspensão dianteira HiPerStrut (High Performance Struts), travões Brembo e afinações desenhadas pelo Opel Performance Center (OPC).

 

Esta solução de chassis estava apenas disponível no topo de gama Insignia OPC e nas versões com tração integral e diferencial traseiro autoblocante de controlo eletrónico.

 

O chassis SuperSport inclui ainda o sistema FlexRide de controlo eletrónico dos amortecedores, que oferece três parâmetros principais de funcionamento: Standard, Tour e Sport.

Chassis SuperSport em mais versões Insignia

A suspensão dianteira HiPerStrut, que foi utilizada pela primeira vez no Insignia OPC, constitui uma evolução significativa face ao conceito McPherson normal. Mantendo um elevado nível de conforto, proporciona um contacto mais eficaz dos pneus com a estrada.

 

Esta nova configuração desacopla o movimento direcional das rodas do resto do conjunto McPherson e oferece uma direção mais precisa, uma vez que o eixo de rotação das rodas é mais curto.

 

A manga de eixo é 23 milímetros mais curta, medindo 44 milímetros no total. Consegue-se, assim, um menor efeito de alavanca. Ao mesmo tempo, a inclinação do ângulo de funcionamento da articulação direcional das rodas (king pin) é reduzida de 13 para 9 graus, o que provoca menos perdas de ‘camber’ e, consequentemente, melhora a aderência.

 

O automóvel é, assim, capaz de curvar a maior velocidade e de manter trajetórias sem perturbações. O menor comprimento da manga de eixo reduz significativamente a influência do binário do motor na direção, bem como a sensibilidade desta às irregularidades do piso e aos ressaltos das rodas.

Chassis SuperSport em mais versões Insignia

O sistema de travagem Brembo integrado no chassis SuperSport possui discos dianteiros perfurados de grandes dimensões (355 mm x 32 mm), com pinças de quatro pistões. As pinças são construídas em alumínio de alta resistência e incluem pastilhas de elevado desempenho. Por seu turno, os discos são do tipo flutuante, com rotor em ferro fundido e apoio em alumínio.

 

A estreia do Insignia foi pautada com diversos prémios nacionais e internacionais, incluindo o prestigiado título de Carro Europeu do Ano 2009. O mercado confirmou as elevadas expetativas com uma procura elevada, tendo sido produzidas mais de meio milhão de unidades desde o lançamento em 2008 até 2012.