Newsletter Opel

Newsletter Opel

Receba as últimas informações sobre a Opel e os produtos e serviços Opel diretamente na sua caixa de correio eletrónico.

Registe-se agora!

Opel Insignia vai ter novo motor turbodiesel 1.6 CDTI

30/Jun/2015

  • Motor eficiente pertence à mais recente geração de motores da Opel;
  • Serviço de apoio em viagem e em emergência Opel OnStar já está disponível;
  • Novo sistema de infoentretenimento: Navi 900 IntelliLink com Apple CarPlay.
Opel Insignia vai ter novo motor turbodiesel 1.6 CDTI

A Opel vai oferecer no modelo Insignia o turbodiesel 1.6 CDTI da sua mais recente geração de motores. Disponível com a versão mais potente de 136 cv, esta combinação tornará o topo de gama da Opel num dos automóveis mais eficientes e económicos nesta classe.

 

Para além do motor, que equipará ambas as variantes de quatro portas e ‘station wagon’, outra novidade na gama Insignia é a nova evolução do sistema de informação e entretenimento Navi 900 IntelliLink, capaz de integrar o ‘mundo’ Apple no automóvel graças ao Apple CarPlay.

 

O Insignia também passa a disponibilizar o equipamento Opel OnStar, ao qual estão associados serviços permanentes ‘em linha’ de apoio em viagem e assistência em caso de emergência. A nova gama Insignia chega ao mercado português já em setembro.

Novo 1.6 CDTI: ‘performance’ e economia

Opel Insignia vai ter novo motor turbodiesel 1.6 CDTI

O turbodiesel 1.6 CDTI da nova geração de motores da Opel demonstra como propulsores de baixa cilindrada com valores elevados de binário e potência podem ser aplicados em berlinas e ‘station wagon’ familiares sem prejuízo das ‘performances’.

 

O 1.6 CDTI de 136 cv, que substitui na gama o 2.0 CDTI de 140 cv, destaca-se pela capacidade de resposta e pelo baixo consumo de gasóleo, proporcionando grande suavidade de funcionamento. Com caixa manual de seis velocidades e Start/Stop, o novo Insignia 1.6 CDTI apresenta uma média de consumo em ciclo misto de apenas 3,8 l/100 km. Isto traduz-se em emissões de CO2 de apenas 99 g/km, abaixo da barreira de 100 g/km, fator importante para muitos condutores e operadores de frotas.

 

Prova de que as ‘performances’ se mantêm em alta é o facto de o Insignia de quatro portas acrescentar 5 km/h à velocidade máxima do anterior 2.0 CDTI de 140 cv, passando a conseguir alcançar 210 km/h. O novo Insignia 1.6 CDTI acelera de 0 a 100 km/h em 10,9 segundos e recupera de 80 a 120 km/h em 10,4 segundos.

 

O propulsor da Opel garante um elevado débito de binário de 320 Nm logo às 2000 rpm. Simultaneamente, o silêncio de funcionamento e o refinamento em geral são características elogiadas deste motor de nova geração.

Opel OnStar e infoentretenimento IntelliLink com Apple CarPlay

Opel Insignia vai ter novo motor turbodiesel 1.6 CDTI

A renovação da gama Opel Insignia inclui outras novidades importantes, nomeadamente ao nível do entretenimento e da conetividade.

 

O sistema Opel OnStar de apoio em viagem e em emergência, que tem assinatura sem custos no primeiro ano, integra serviços como resposta automática em caso de acidente, assistência em caso de roubo, assistência em viagem, diagnóstico das funções-chave do veículo e controlo remoto de variadas operações através de uma aplicação específica de ‘smartphone’.

 

Ao mesmo tempo, o Opel OnStar dá ao Insignia um potente ‘hotspot’ de Wi-Fi com ligação estável à Internet. O sistema aceita a ligação até sete dispositivos em simultâneo.

Opel Insignia vai ter novo motor turbodiesel 1.6 CDTI

Por seu turno, o sistema IntelliLink da mais recente geração permite integrar no automóvel o ‘mundo’ dos chamados telefones inteligentes, tornando tudo mais fácil de utilizar e comandar.

 

O destaque vai para a estreia do Apple CarPlay integrado no novo Navi 900 IntelliLink, que permite acesso imediato a muitas aplicações de música e notícias.

 

A visualização e os comandos passam para o grande ecrã tátil de oito polegadas do sistema do automóvel. O IntelliLink também permite ‘streaming’ de audio, leitura de mensagens SMS com voz, e visualização de filmes e fotografias quando o automóvel está parado. A navegação possui mapas de mais de 30 países europeus, podendo também ser comandada por voz.